Mansidão

“Bem-aventurados os mansos, porque eles herdarão a terra”

Mateus 5.5

Tem momentos que tudo que eu preciso na minha vida são duas horinhas a mais no meu dia, ou um ponto e meio a mais na média para não ter que me preocupar com passar na faculdade, ou até uma kombi bem equipada para poder ir viajar pelo mundo com a minha futura esposa.

image

Um lugar bom para dormir em cima, duas bikes para encostar o carro e passear, e bastante espaço para levar tudo que precisaríamos para uma aventura que provavelmente nos daria boas histórias para encher um livro de trezentas páginas.

Mas quando paro de verdade para pensar, converso com Deus, eu vejo que o que realmente preciso é ser mais parecido com Jesus, simples assim. Você quer a chave para o sucesso na visão daquele que criou este mundo? O caminho é esse.

“Se eu já percebi o que realmente sou, em termos de humildade de espírito e de atitude lamentosa, em vista de minha pecaminosidade, então sou levado a ver que é necessário que em mim não se manifeste o orgulho.”

“O indivíduo manso não se orgulha de si mesmo; não se vangloria a seu próprio respeito sob hipótese alguma.”

“… ser manso significa que o indivíduo se anulou completamente, como se não tivesse direitos e nem merecimentos seja no que for.”

“Quando alguém vê verdadeiramente a si mesmo, sabe que ninguém pode dizer algo a seu respeito que seja exageradamente mal”

“…’bem-aventurados os mansos’, e não aqueles que confiam em suas organizações, que confiam em suas forças, capacidades e instituições. Antes, cumpre-nos pensar segundo um exato reverso dessas ideias.”

D.Martyn Lloyd-Jones

“Aquele que já está caído, não precisa temer a queda.”

John Bunyan

“…tidos por enganadores, sendo verdadeiros; como desconhecidos, apesar de bem conhecidos; como morrendo, mas eis que vivemos; espancados, mas não mortos; entristecidos, mas sempre alegres; pobres, mas enriquecendo muitos outros; nada tendo, mas possuindo tudo.

2 Conríntios 6.8-10